Esta peça tem como objetivo alertar os cristãos das diversas denominações espalhadas pelo mundo que compõem o corpo de Cristo, a necessidade de estar em harmonia, é importante ressaltar  que não há interesse nenhum de nossa parte em criticar dogmas ou doutrinas estabelecidas por tais denominações, mas sim expormos a vital importância de todo o Corpo em estar comunhão. Para que “cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo, de quem todo o corpo, bem ajustado e consolidado pelo auxílio de toda junta, segundo a justa cooperação de cada parte, efetua o seu próprio aumento para edificação de si mesmo em amor”.  (Efésios 4:15-16) 

PERSONAGENS:

OLAVO= Camelô
NAMORADA= Tradicional
NAMORADO= Pentecão
ROCKEIRO 1
ROCKEIRO 2
PASTOR 1
PASTOR 2
EVANGELISTA 1
EVANGELISTA 2
TJ 1
TJ 2
Toda a peça acontece em um ponto de ônibus onde ao lado existe uma banca de Camelô onde é vendido ervas medicinais.
(O cenário é uma parede pichada, uma mesinha com sacos cheios de folhas, um ponto de ônibus e um ônibus de Papelão que sempre será levado por duas pessoas).


CENA 01 – O ACHADO

(Seu Olavo chega para montar sua banca para mais um dia de trabalho, como todos os dias ele prepara os sacos onde ficarão expostos seus produtos de venda).

OLAVO: Acordei esquisito hoje, tô sentindo um aperto no coração, sei não acho que vai acontecer alguma coisa de ruim hoje.

(Acaba de falar e abaixa para pegar um papel , e senti uma dor no peito e falta de ar)

OLAVO: -To falando que não to bom! Deve ter sido a empadinha de ontem, porque a cervejinha tenho certeza que não foi, tava geladinha. Mas o que está escrito neste folheto:
Amanhã poderá ser tarde! E sai pra lá, mas que  “zic zira” eu em! vou até para de lê.
Olha os produto natural, erva de gato, chapéu de couro, casca de pau d’água, alecrim, arruda, olha os produto natural, erva de primeira qualidade, direto da Amazônia.

CENA 02 -NAMORADOS

(Entra o casal de namorado discutindo e para no ponto de ônibus)

NAMORADO: - Eu não te falei que não ia dar certo, olha que eu tentei!

NAMORADA: - Mas precisa tudo aquilo! Que vexame! Eu te expliquei como é que era direitinho.
                              Quanta graça, Você gosta de aparecer mesmo, não pode falar que não te     expliquei!

NAMORADO: - Me perdoe amorzinho, não deu pra controla, você sabe como eu fico quando escuto a Palavra, ouvir sem dar um “Aleluia”? Ouvir o louvor sem bater palma e nem poder dar um “Glória a Deus” ? Está querendo me matar? Está pensando que sou “Pingüim” pra viver gelado?

NAMORADA: - Mas se fosse uma vez só tudo bem! Mais foi o culto todo, você não deixou eu ouvir nada que o Pastor falou, com que cara eu vou voltar lá?

NAMORADO: - Com que cara você vai eu não sei, só sei que esta carinha linda não entra ali jamais, para falar a verdade, eu nem sei o que você vai fazer lá, ta louco que geladeira, e mais a mais, logo nós vamos casar e você já sabe, aí vai ter que ir para a minha , lá você vai ver o que é o fogo! Falando em fogo, bem que a gente podia dar uma esquentadinha hoje?

NAMORADA: - Eu não, você falou que não é pingüim, por que quer encostar na geladeira. Olha o ônibus chegando aí?

OLAVO:          - Olha os produto natural, direto da Amazônia, eta povinho estranho, um está gelado outro está no fogo, deixa pra lá. Olha  o feijão de vagem, pra curar fogo selvagem. a erva de Santa Tereza, boa pra curar safadeza. E começo aquele negócio esquisito de novo, acho que vou ler aquele folhetinho. Aqui está escrito: “Conhecereis a verdade e a verdade vos libertará” João 8:32. Que verdade será esta? Preciso perguntar para alguém.

CENA 03  OS ROCKEIROS
(Entra em cena o primeiro Rockeiro ao som de um rock pesado evangélico, logo depois vem dois rockeiros conversando ) ( rockeiro 2 diz ao rockeiro 3)
ROCKEIRO 2: - Mas que som em! Mas que batera, que guita, que unção, com um som deste eu chego no terceiro céu.
ROQUEIRO 3: - Podes crer! É o maior barato. Que isto, este som é do céu, to sentindo até um pouquinho da glória, parece até que foi feito por anjos meu!
(rockeiro 2 diz ao rockeiro1)
ROCKEIRO 2: - Cara que unção, me diz que som é este.
ROCKEIRO 1: - É Petra cara.
 (OLAVO tenta falar com aos três, à respeito do folheto, mas o som estava muito alto e eles não podiam ouvir)
(rocheiro 3 diz ao rockeiro 1)
ROCKEIRO 3: - Aí, tá sumido. Por onde anda?
ROCKEIRO 1: - Tenho ido para Sampa, louvar nas igrejas de lá.Ontem por exemplo fui numa vigília meu!
ROCKEIRO 2: - Conta aí foi massa? Muito som? Muito louvor?
ROCKEIRO 1: - Que nada! Os brothers aleluia só ficavam naquela de língua estranha e nada de som meu! Os brothers estatua ficavam o tempo todo em silêncio.
ROCKEIRO 3: - E aí  como é que você se portou?
ROCKEIRO 1: - Sabe fui lá buscar poder do alto, No começo foi aquele marasmo, fiquei parecendo uma azeitona fora da pizza, mas depois eu lembrei que o poderoso estava dentro do carro do brother, fui lá buscar e coloquei o maior som.
ROCKEIRO 2: - E aí todo mundo louvou com você ?
ROCKEIRO 1: - Que nada, me expulsaram de lá, todo mundo queria por a mão na minha cabeça, era nego falando saí dele, tá amarrado, pó meu, os brothers faz acepção de pessoas.
ROCKEIRO 3: - Aí, vem vindo o busão. Vamo nessa!

OLAVO:            - Cada figurinha, que passa por aqui, que pior é que o som estava tão alto que eles nem me ouviram, e eu continuo não sabendo este negócio de Verdade, conhecereis a Verdade e ... Olha os produto natural, folha de figo caído, bom pra quem tem problema de ouvido. O que está escrito aqui? Eis que estou à porta e bato; se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e cearei com ele e ele comigo. O que será que quer dizer isto? Olha o produto natural. Diretamente importado de Manaus.
CENA 4 – OS PASTORES

( pastor1 chega e fica esperando o ônibus e é abordado pelo Olavo que tenta falar)

OLAVO:             - Senhor poder... (é interrompido pelo pastor1)
PASTOR 1:          - Não obrigado, não preciso de nada hoje.

(Chega o pastor 2 e cumprimenta o pastor 1)

PASTOR 2:          - Como vai amado? Tudo bem?
PASTOR 1:         - Graça e Paz, tudo bem, e o senhor pastor?
PASTOR 2:          - Tudo maravilhoso, e a congregação  do senhor como está?
PASTOR 1:          - Pela graça eu tenho batizado muitos, já foram mais de 50 este ano, e a igreja         do senhor pastor crescendo de vento em polpa?
PASTOR 2:        - Deus tem provido, temos feito oração forte todos os dias, determinamos a prosperidade, e com certeza ela acontece.
(Olavo interrompe o pastor 2)

OLAVO:                 - Senhor podia... (é interrompido pelo pastor 1)
PASTOR 1:           - Não vê que ele não toma remédio e só ele determinar e pronto. (é interrompido pelo pastor 2)
PASTOR 2:             - É isto mesmo é só determinar, falando nisto parece que já está aprendendo, quer trabalhar comigo? Afinal o que estamos fazendo num ponto de ônibus, vamos embora eu te levo.

(saem de cena conversando e nem despendem do Olavo)

OLAVO:                   - Brincadeira, dois pastores e eu não consegui saber o que quer dizer aquela frase: “Conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará”. O pior é que isto está me incomodando. Mas vamos trabalhar, olha a flor de Capitão bom pra quem não consegue prestar atenção.

CENA 5 – OS EVANGELISTAS

( Chega o Evangelista 1 e fica ao lado do poste, dá uma olhada para o Olavo como se fosse dizer alguma coisa, mas abaixa a cabeça e fica quieto, chega então outro rapaz e começam conversar).

EVANGELISTA 1: - A paz do Senhor irmão?  
EVANGELISTA 2: - Passor, para onde o irmão vai indo?
EVANGELISTA 1: - Estou indo evangelizar no shopping e você vai pra onde?
EVANGELISTA 2: - Não sei, to com uns folhetinhos aqui, mas não sei onde entregar.O irmão vai sempre evangelizar no shopping?
EVANGELISTA 1: - As vezes, gosto mais de evangelizar  em fliperamas e bingos, mas quando o dinheiro está curto vou ao shopping. E você aonde panfleta?
EVANGELISTA 2: - Tanto faz, mas gosto mais de  panfletar  no período da manhã em frente a campos de Futebol e a tarde dentro do cemitério.
EVANGELISTA 1: - Mas por que você faz isto?  Só panfleta nestes lugares?
EVANGELISTA 2: - É que assim eu gasto pouco folheto. Sabe o dinheiro anda curto.
EVANGELISTA 1: - E vamo aí, eu pago a sua, e o ônibus está chegando?
OLAVO:          - Ei, vocês? Podem me ajudar aqui?
EVANGELISTA 1: - Agora não vai dar,  ônibus está chegando.

( Vão embora, e deixam seu Olavo a ver navios)

OLAVO:                  - Olha o chá de “pé de Princesa”  muito bom pra quem tem problema de moleza. O meu dia já está se acabando, está quase na hora de fechar a barraca, mas eu não consegui ainda saber o que quer dizer aquela frase: “Conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará”, Ah! depois eu passo no padre quem sabe ele me explica.

CENA FINAL – OS TESTEMUNHAS

(Olavo acaba de pensar em ir falar com padre quando chegam dois T.Js.)

TJ 1:                   - Boa tarde senhor? Como é seu nome mesmo?
OLAVO:            - Boa tarde, meu nome é Olavo que tipo de erva vocês querem?
TJ 2:               - Senhor Olavo não estamos aqui para comprar ervas, mas sim para lhes oferecer as     boas novas.
OLAVO:             - Boas novas?
TJ 1:                    - Sim as Boas novas.
OLAVO:             - Espere aí, vocês são crentes?
TJ 2:                    - Pode se dizer que sim.
OLAVO:          - Até que enfim, consigo conversar com alguém, sabe fiquei o dia inteiro tentando conversar com um de vocês, mas ninguém me deu atenção, parecia que todos estavam tão ocupados, falando coisas esquisitas, que eu não entendia nada, por sinal passaram até dois pastores por aqui e também não me deram atenção.
TJ 1:                     - Sabe seu Olavo, este é um dos motivos que estamos aqui, é para te dar atenção, mas o senhor disse que precisa falar com um de nós? O senhor tem algum problema ?
OLAVO:              - Hoje achei um folhetinho rasgado com uma frase que não me sai da cabeça, durante o dia todo tentei saber o que quer dizer?
TJ 1:                         - Seu Olavo, qual é a frase?
OLAVO:                  - “Conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará”.
TJ 1:                        - A frase é esta, então está fácil, olha eu tenho aqui duas revistas que explicam tudo o que o senhor precisa saber sobre este assunto.
OLAVO:                    - Então me dá as revistas, não quero nem saber o preço.
TJ 2:                           - Senhor Olavo, se o senhor quiser saber mais, sobre o assunto, nós temos uma reunião toda Quinta-feira ás oito horas neste endereço aqui faz uma forcinha para ir lá.
 (Se despedem e vão embora)
OlAVO:                      - Até logo, pode deixar que eu vou sim, preciso saber mais mesmo. Até que enfim. Olha a pimenta que arde, muito boa para quem não quer chegar tarde. Olha o chá de oração para quem quer ter comunhão, olha o chá de humildade para quem quer viver na Verdade, Olha o chá de ação para quem quer ter união.

FIM
 

0 comentários:

Postar um comentário

Não utilize palavras de baixo calão ou algo que venha denegrir a imagem de alguém. Grato!

 
Top